Métodos de estudo/promoção do sucesso escolar na transição 4º/5º anos

Susana Jardim

Resumen


Este artigo reúne a pesquisa/reflexão, trata/configura elementos na abordagem dos Métodos de Estudo/Promoção do Sucesso Escolar na Transição 4º/5º anos sob a temática de pensar as práticas de ensino em geral, nas NEE, área mental, sem defeito neurológico/sensorial adstrito em particular.
A transição escola básica/básica-secundária acarreta mudanças no ambiente escolar a par das mudanças físico/emocional/social da adolescência, para algumas crianças marca uma quebra no rendimento/desistência escolares. A metodologia de ensino no 2º ciclo, com o aumento/exigência das disciplinas/carga horária, por ventura exige que tanto faça a sua parte no processo-de-aprendizagem como diligencie mais as capacidades intelectuais/de desembaraço e dependa menos do professor/apoios, como também o estudo demanda mudança/ adaptação. Para alguns autores, no trabalho educativo treino-mecânico o desenvolvimento das funções não efetua-se nas máximas possibilidades, o ensino deve propor-se impulsionar/adiantar-se ao desenvolvimento, atuar sobre aquilo não-formado, ativar/ampliar novos processos internos. Para outros, na(s) incapacidade/dificuldades de aprender coexistem aspetos não só relacionais-emocionais disfuncionais de personalidade como dificuldades na relação Eu-Cuidador, estendem retrocessos nas funções/funcionamento mentais, coartam a aprendizagem escolar. Assim, para aprender com sucesso no estudo/escolaridade, a solução educativa inclusiva determina o tratamento psicoterapêutico de forma a garantir os efeitos reorganização socioemocional/reaprendizagem escolar/desenvolvimento mental.


Palabras clave


métodos de estudo; (re)organização socioemocional; desenvolvimento mental; sucesso escolar; educação inclusiva

Texto completo:

PDF (Português (Portugal))

Referencias


Bento, A. (2007). Efeitos das transições de ciclo e mudanças de escola: Perspectivas dos alunos do 5º ano (2º ciclo). In J. Sousa e C. Fino (Org.). A escola sob suspeita (pp.375-384). Porto: Edições Asa.

Decreto-Lei n.º 54/2018, de 6/7 - Diário da República n.º 129/2018, Série I.

Despacho normativo n.º 3/2016, de 9/11 - Regulamenta o regime de avaliação e certificação das aprendizagens desenvolvidas pelos alunos do ensino básico, apresentando também medidas de promoção do sucesso educativo que se querem pensadas e operacionalizadas pelas escolas, a partir de um efetivo conhecimento das dificuldades, e delineadas de acordo com as fragilidades a ultrapassar, tendo em conta as características dos alunos e as possibilidades de cada comunidade escolar.

Jardim, M.S.F (2010). Relação e Desenvolvimento Mental em Crianças com NEE e Perturbação Socioemocional. (Dissertação de Estudos Avançados não publicada). Badajoz: Universidad de Extremadura.

Jardim, M.S.F. (2011). Relação e Desenvolvimento Mental em Crianças Com NEE e Perturbação Socioemocional. (Tese de doutoramento não publicada). Badajoz: Universidad de Extremadura.

Jardim, M.S.F. (2012a). Fenómeno Relacional na Emergência da Aprendizagem e Desenvolvimento em Crianças com NEE. INFAD: Revista de Psicologia. 1(3), 105-118 Badajoz: INFAD.

Jardim, M.S.F. (2012b). Processos de um Caminho. Revista Diversidades. nº 36, 31-32.

Leal, M.R.M. (1960). Unidade psicológica da pessoa humana segundo Santo Agostinho. Dissertação de Licenciatura. Lisboa: Universidade de Lisboa.

Leal, M.R.M. (1980/81/82). Uma Proposta Alternativa para o Tratamento de Crianças com Perturbações de Contacto. Revista Portuguesa Psicologia. 17/18/19,157-178.

Leal, M.R.M. (1981). Vida Emocional, Pedagogia e Reabilitação. Revista Portuguesa de Pedagogia. 15, 115-125.

Leal,, M.R.M. (1994). Personalidade Integrada e a Escola de Todos. Lisboa: ESEI Maria Ulrich.

Leal, M.R.M. (1999). A Psicoterapia como Aprendizagem: Um Processo Dinâmico de Transformação. Lisboa: Fim de Século.

Leal, M.R.M. (2001). O Fenómeno Humano da Relação Dialógica - Emergência de Significados e o Brincar. Revista Portuguesa de Psicologia. 1-19.

Leal,, M.R.M. (2001). Emergência de Significados e o Brincar. Jornal de Psicologia Clínica. 3, (I), 5-12.

Leal, M.R.M. (2003). Comunicação Primária e Intercâmbio Mutuamente Contingente. São Paulo:Terceira Margem.

Leal, M.R.M. (2004). Introdução ao Estudo dos Processos de Socialização Precoce da Criança. Lisboa: IPAF.

Leal, M.R.M. (2007). A Representação Mental como Vivência do Sujeito. Conferência não publicada.

Leal, M.R.M. (2007). Aceder às Origens e Evolução da Linguagem. Conferência não publicada.

Leal, M.R.M. (2010). Passos na Construção do Eu. Step by Step Constructing a Self. Edição Bilingue - Bilingual Edition. Lisboa: Fim de Século.

Oliveira, M. K. (1995). Vygotsky: aprendizado e desenvolvimento, um processo sociohistórico. 2 ed. São Paulo: Scipione,

Pasqualini, J.C. (2010). O papel do professor e do ensino na educação infantil: a perspectiva de Vigotski, Leontiev e Elkonin. In MARTINS, LM., and DUARTE, N., orgs. Formação de professores:

limites contemporâneos e alternativas necessárias. São Paulo: Editora UNESP; São Paulo: Cultura Acadêmica. 191 p. ISBN 978-85-7983-103-4.

Vygotsky, S. L. (2000). A formação social da mente. Brasil: Martins Fontes.

Vigotski, L. S. (2001). A Construção do Pensamento e da Linguagem. São Paulo: Martins Fontes.

Vygotsky, L. S. (2007). Pensamento e Linguagem. Lisboa: Relógio D’Água.

Vigotskii, L. S.; Luria, A. R. & Leontiev, A.(2010). Linguagem, desenvolvimento e aprendizagem. (M.P. Villalobos, Trad.). São Paulo: Ícone.

Vigotski, L. S. (2011a). A defectologia e o estudo do desenvolvimento e da educação da criança anormal. Educação e Pesquisa; V. 37, n.4, (p.861-870). São Paulo.

Vigotskii, L. S.; Luria, A. R. & Leontiev, e Outros (2011b). Psicologia e Pedagogia: bases psicológicas da aprendizagem e do desenvolvimento. ( R. E. Frias Trad.). São Paulo: Centauro Editora.




DOI: https://doi.org/10.17060/ijodaep.2019.n2.v1.1672 Statistics: Resumen : 57 views. PDF (Português (Portugal)) : 37 views.  

Enlaces refback

  • No hay ningún enlace refback.




Copyright (c) 2019 Susana Jardim

Licencia de Creative Commons
Este obra está bajo una licencia de Creative Commons Reconocimiento-NoComercial-SinObraDerivada 4.0 Internacional.

"International Journal of Developmental and Educational Psychology."

Revista Infad de Psicología.

ISSN digital: 2603-5987

ISSN impreso: 0214-9877